Atualizado 26/02/2018 - 21:00

Sanepar vai investir mais R$ 25,3 milhões para ampliar rede em Foz

Compratilhe

 

Diversos bairros e região central serão beneficiados com ampliação de rede de água e esgoto; em sete anos, Sanepar investiu R$ 115 milhões em Foz

 

Os valores anunciados para 2018 serão aplicados para melhorar o sistema de abastecimento de água da cidade, garantindo tranquilidade para os próximos 30 anos em Foz do Iguaçu.

 

As obras englobam a implantação de mais de 17 quilômetros de tubulação, entre rede de distribuição de água, anéis de distribuição e adutoras de água tratada. As obras serão executadas nas regiões da Vila Yolanda, Vila A e Centro. Ainda serão construídas quatro elevatórias de água tratada e obras elétricas que vão permitir a operação do sistema.

 

A assessoria de imprensa da Sanepar recorda que centro de reservação da Vila Yolanda foi concluído e inaugurado no ano passado com a presença do governador Beto Richa.

 

A estrutura, situada ao lado do Hotel Dom Pedro, tem uma estação elevatória com capacidade de bombeamento de 32 litros por segundo e dois grandes reservatórios. Cada estrutura terá capacidade de armazenar três milhões de litros. A obra  garante o abastecimento na região Sul da cidade, suprindo eventuais paradas na produção da água.

 

“A Sanepar se preocupa com a qualidade de vida dos iguaçuenses e investe para que todos os moradores tenham acesso à água de qualidade. Já investimos na instalação de uma nova captação de água, de novos reservatórios e agora vamos melhorar e ampliar o sistema de distribuição”, ressaltou Mounir Chaowiche, presidente da Sanepar.

 

Desde 2011 mais de 115 milhões de reais foram investidos nos sistemas de água e esgoto em Foz do Iguaçu

 

Esgoto

Em 2018 mais 1.550 imóveis, localizados nos bairros São Roque 1 e 3, Niterói, Morumbi, Portal da Foz, Fátima Osman e Jardim São Paulo, terão acesso à coleta e ao tratamento de esgoto em Foz do Iguaçu. No total, serão executados mais de 25 quilômetros de rede coletora de esgoto.

 

A expansão da rede coletora faz parte de um programa da Sanepar que pretende terminar com os locais sem atendimento que existem na cidade. “A meta é atender a toda a população com saneamento básico”, diz o gerente regional Nilton Perez. Ele afirma que na época da expansão da rede coletora na cidade, algumas ruas destes bairros não foram contempladas por não serem ocupadas. “Com o crescimento da cidade, agora o atendimento é necessário”, comenta o gerente.

 

No bairro São Roque 3, as obras já foram executadas. No Jardim São Paulo, Morumbi e Portal, a obra está em andamento. Já no bairro Fátima Osman e Niterói, as obras começam em breve. Como este programa de expansão de rede é contínuo, novos bairros poderão ser incluídos após estudos técnicos. “Estamos atendendo de acordo com a demanda da população. O programa tem alguns critérios que devem ser seguidos e a equipe de engenharia faz esta análise”, explica Perez.

 

O gerente lembra também que estas expansões só puderam ser realizadas após as obras de ampliação das estações de tratamento de esgoto da cidade nos últimos quatro anos.

 

Estações

Sanepar também concluiu em Foz do Iguaçu as obras de ampliação dos módulos das estações de tratamento de esgoto Jupira, Beira Rio e Iate Clube. Assim o sistema de Foz do Iguaçu, que tinha uma capacidade para depurar 450 litros por segundo, teve um incremento de mais 280 litros por segundo.

 

A rede de coleta também foi ampliada. A obra compreendeu o assentamento de mais de 39 quilômetros de tubulação. Construção de uma nova estação elevatória, com capacidade de bombeamento de 6,45 litros por segundo. Mais de 1.600 novos imóveis irão ter acesso ao serviço de coleta e tratamento de esgoto na Região Sul da cidade.

 

Balanço

Balanço divulgado pela Sanepar neste mês, revela que os investimentos realizados durante o ano de 2017 superaram em 19% os valores investidos em 2016. “A Sanepar, mais uma vez, mostra que é uma empresa sólida e se destaca no setor. O grande volume de investimentos garante mais atendimento e melhor qualidade de vida para as famílias que vivem nos municípios atendidos pela Sanepar” afirmou Mounir Chaowiche, presidente da Companhia, “É por isso que figuramos entre as melhores do país, com índices superiores a média nacional”.

 

Em 2017, foram feitas 138 mil novas ligações de esgoto. Estes índices só são possíveis graças ao volume de investimentos. Em 2017 foram 880 milhões investidos na melhoria e ampliação dos sistemas. “O governador Beto Richa prioriza o saneamento. São importantes obras sendo realizadas em todas as cidades que atuamos”, afirmou o presidente.

Centro de reservação da Vila Yolanda garante abastecimento da região sul

Estação de tratamento de esgoto em Foz do Iguaçu

Fotos: AI Sanepar

Mounir Chaowiche: “A Sanepar é uma empresa sólida”

 


Fale conosco

contato@diariodascataratas.com.br

Telefone:(45) 99959-5971

Anuncie Já

Confira as opções de anuncios que o Diário das Cataratas tem para você !

Copy Right 2017 - Todos direitos reservados a Diario das Cataratas